terça-feira, 16/05/2017

“A musa adormecida” deu à Christie’s o melhor leilão dos últimos sete anos

“A musa Adormecida”. // Créditos: Reprodução

 

Cinco personalidades quiseram, até ao final, ficar com “la muse endormie”, ou, numa tradução livre, “a musa adormecida”. A disputa pela obra em bronze, da autoria do romeno Constantin Brancusi, prolongou-se por 9 minutos e rendeu à Christie’s um valor quase dois terços acima do estimado. O comprador – que não teve sua identidade revelada -, gastou U$S 57 milhões de dólares, cerca de R$ 176,13 milhões (por comparação, o BIC comprou o BPN por U$S 40 milhões – R$ 123,6 milhões), pela escultura da face deitada de uma mulher. A obra estava nas mãos da família do colecionador Jacques Ulmann. A estimativa da leiloeira era arrecadar entre U$S 25 e U$S 35 milhões de (R$ 97, milhões e R$ 136,5 milhões). Assim, o montante obtido ficou 64% acima do previsto.

 

Este foi o preço mais elevado pago no leilão da Chritie’s intitulado “Impressionist and Modern Art Evening Sale”, que faz parte da 20th Century Week, que tem lugar em Nova Iorque no mês de Maio. Um leilão onde também estiveram para venda obras de Pablo Picasso e Claude Monet e que registrou procura de investidores vindos de 35 países. Segundo os dados divulgados pela própria empresa britânica – que teve um litígio, já resolvido, com o Estado português devido à coleção de Joan Miró –, o leilão rendeu 289,1 milhões, cerca de R$ 902,88 milhões, incluindo as comissões pagas à Christie’s. Um valor que representa um crescimento para mais do dobro do alcançado no ano anterior e que é o maior montante arrecadado em eventos de impressionismo e arte moderna desde 2010, ou seja, em sete anos. 23% dos bens disponíveis para leilão ficaram em mãos de compradores asiáticos.

 

No Comments Yet

Leave a Reply

Your email address will not be published.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

%d blogueiros gostam disto: