sexta-feira, 09/03/2018

5 lugares para comer – literalmente – como um rei em Londres

Os 5 locais ainda são visitados pela família real // Créditos: JET SETTERS

 

Engana-se quem pensa que os famosos pubs londrinos — onde são servidos pratos como o fish and chips, peixe frito acompanhado com batatas fritas e purê de ervilhas — são as únicas opções de restaurante na capital inglesa. Como toda cidade cosmopolita respeitável, Londres oferece uma quantidade enorme de estabelecimentos que servem comida (de qualidade) de várias partes do mundo. Espalhados pela cidade, também estão diversos restaurantes estrelados e visitados pela família real. Confira!

 


Bunga Bunga

Mais do que um restaurante simples, este lugar serve como bar, pizzaria, karaokê e clube com shows ao vivo, onde a comida italiana é servida.

37 Battersea Bridge Road

Byron Burger

Hambúrgueres simples que são caracterizados pela qualidade da carne bovina britânica. Opte pelo “Bourbon King” (o queridinho do Príncipe Harry). Vai com, abacate, bacon duplo, queijo e muito mais.


Bumpkin

Um

lugar onde a comida autêntica britânica é encontrada, o seu menu está de acordo com a estação, bem como uma letra muda de acordo com os ingredientes, mas aqui estão as praças e os navios. OBS: é o lugar preferido de William e Kate Middlento.


102 Old Brompton Rd, South Kensington

The Ivy

Um clássico que encanta a gastronomia desde 1917. É um restaurante exclusivo e luxuoso que além de emancipado por seu bar, onde corre deliciosos cocktails, é onde a Rainha Elizabeth II costumava ir com frequência. 

1-5 West St


Mahiki

Não é um um restaurante de fato, é mais um clube exclusivo em Londres. Nos tempos de solteirice, o Príncipe William era visto com frequência animando na pista. É também o n° 1 de Rihanna, Drake e outras celebridades.

1 Dover St., Mayfair

No Comments Yet

Leave a Reply

Your email address will not be published.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

%d blogueiros gostam disto: